Práticas de Arquivo em Artes Performativas

A relação entre o arquivo e as artes performativas tem vindo a ocupar um lugar de destaque no pensamento contemporâneo, desdobrando-se em diversas vertentes: o arquivo como processo, a performatividade do arquivo, o arquivo das práticas e o arquivo como prática. Este volume agrega perspetivas sobre o que constitui o arquivo na contemporaneidade, mostrando como este se constrói, dissolve e simultaneamente se materializa em formas de memória e em experiências incorporadas.

OPEN CALL, Imaginário familiar – linha de tempo, de Tânia Dinis

Em preparação da performance Imaginário familiar – linha de tempo, que terá lugar no dia 4 de Dezembro no âmbito dos Encontros PERPHOTO 2020/2021, a artista Tânia Dinis convida um número limitado de interessados (até 15 pessoas) a participar na sessão.

As pessoas seleccionadas irão receber da parte da artista nas suas moradas uma fotografia com que irão interagir durante a performance.

A sessão decorrerá online através da plataforma Zoom e será de acesso livre através de link a disponibilizar oportunamente.

Grupo de Estudos Online Sobre a Atuação Contemporânea

O Canto do Bode é um espaço de experimentação do ator, integrante da pesquisa do artista, professor de atuação e investigador do Centro de Estudos de Teatro da Universidade de Lisboa, Vitor Lemos. As atividades presenciais do estúdio acontecem nas instalações da Inimpetus - escola de actores (instituição parceira), situada em Campolide, e são dedicadas a estudos sobre a criação do ator, ao aprimoramento psicofísico do ator-performer, ao desenvolvimento de projetos artísticos.

Jorge de Faria

O décimo volume da Colecção de Biografias do Teatro Português é dedicado a Jorge de Faria (1888-1960), um nome de referência no universo da crítica teatral em Portugal. Entre os anos 20 e o final dos anos 50 do séc. XX, foi colaborador de vários jornais, aí publicando crónicas e críticas que revelam ser da maior importância para o conhecimento do nosso passado teatral. A sua perspetiva analítica pauta-se por uma observação metódica e uma argumentação sólida, assente numa profunda cultura, o que contribuiu para o lugar de destaque que lhe é reconhecido.

COLÓQUIO INTERNACIONAL: RELIGION AND MAGNIFICENCE - MUSIC AND CEREMONIES AT THE EUROPEAN COURTS IN 17th AND 18th CENTURIES

Entre 18 e 20 de Setembro decorrerá no  Palácio Nacional de Queluz o Colóquio Internacional "Religion and Magnificence – music and ceremonies at the European courts in 17th and 18th centuries", organizado pelo Centro de Estudos Musicais Setecentistas de Portugal – Divino Sospiro, com o apoio do Instituto Italiano de Cultura de Lisboa e do Centro de Estudos de Teatro. 

Contemporary Theatre Review: ‘White People All Over’: Refugee Performance, Fictional Aesthetics, and Dramaturgies of Alterity-Empathy

Este artigo acompanha o processo de produção de Passajar, um projeto de teatro imersivo gerado colaborativamente entre quatro criadores artísticos (teatro, dança e música) e vários refugiados do Congo, do Irão, do Iraque, da Síria e do Zimbabué. Desenvolvido sob a curadoria da coreógrafa portuguesa Madalena Victorino para o Festival Todos em Lisboa, esta produção experimental e multilingue centrou-se na apresentação de experiências dos migrantes através de uma perspectiva pós-dramática.

Lançamento da Biografia de Jorge de Faria

O décimo volume da  Coleccão de Biografias do Teatro Português é dedicado a Jorge de Faria (1888-1960), um nome de referência no universo da crítica teatral em Portugal. Entre os anos 20 e o final dos anos 50 do séc. XX, foi colaborador de vários jornais, aí publicando crónicas e críticas que revelam ser da maior importância para o conhecimento do nosso passado teatral. A sua perspetiva analítica pauta-se por uma observação metódica e uma argumentação sólida, assente numa profunda cultura, o que contribuiu para o lugar de destaque que lhe é reconhecido.

Conversas (In)seguras

                                                                                           COM TIM INGOLD*
                                                                      
ARTE-INVESTIGAÇÃO-CONHECIMENTO