PRÁTICAS EXPANDIDAS com Fred Moten: A Defense of Two-Dimensionality

Fred Moten

A conferência de Fred Moten apresenta-se como tentativa de investigar aquilo a que se pode chamar um afastamento físico relativamente a certas suposições metafísicas que sustentam e minam a insurreição negra e queer. Como um movimento que tenta abordar e habitar o que poderíamos chamar a “aglomeração” da música de Cecil Taylor, nos momentos em que o uníssono dá lugar a uma densa proximidade, ao mesmo tempo que deseja considerar afinidades problemáticas entre as ideias de unidade e separabilidade e o ideal da tridimensionalidade.

Fred Moten ensina Black Studies, Teoria Crítica, Estudos de Performance e Poética no Departamento de Performance Studies da Universidade de Nova Iorque. É autor de In the Break: The Aesthetics of the Black Radical Tradition e da trilogia ‘consent not to be a single being’, entre outros. Em coautoria com Stefano Harney escreveu The Undercommons: Fugitive Planning and Black Study, A Poetics of the Undercommons e All Incomplete.

A conversa iniciada nesta conferência abre para um workshop com Fred Moten e Stefano Harney – agora reagendado para 2022 – abordando temas da história do jazz como a irrupção da música experimental negra, em intersecção com questões da teoria da liberdade e da teoria queer.

Ambos integram o ciclo Expanded Practices All Over, um espaço de pensamento colectivo organizado por Paula Caspão em torno da diversificação dos usos da expressão ‘práticas expandidas’, em partenariado com o TBA.

Comité Científico Peripatético: Paula Caspão, Valentina Desideri

A conferência decorrerá no dia 7 de Julho, pelas 18h00.

Clique aqui para aceder à Sala Zoom do TBA: https://us02web.zoom.us/j/7723662478

 

Investigador